Comunicado CDN, Lisboa, 23 de Novembro de 2019